Os Nossos Sabores

Parte da cultura hoje em dia é marcada essencialmente pela boa gastronomia. Rica e variada, a gastronomia tradicional desta região é um dos seus principais atrativos.
Numa região do interior não podiam deixar de existir pratos típicos como o cabrito ou o borrego assados no forno de lenha acompanhados de batata assada ou, então, o cabrito ou borrego assados na brasa à moda de Silgueiros, os enchidos, o arroz de cabidela, a massa à lavrador, o rancho à moda de Viseu, feijão temperado com hortaliça e presunto, os rolões ou carolos, o arroz de espigos e feijão com entrecosto, com chouriça ou com presunto, o cozido à portuguesa, o entrecosto com chouriça e grelos e ovelha guisada, isto no que respeita à carne. Se preferir peixe, coma bacalhau na brasa com batata a murro, trutas do Pavia, arroz de sardinha e arroz de feijão e espigos com bacalhau. Os sabores da sopa da beira ou caldo verde, o caldo de farinha, a bola de sardinha, a bola de cebola, a bola de carne e broa de milho são, também, iguarias da gastronomia de Silgueiros.
Trabalhando a terra e usando os seus produtos, as pessoas da região aprenderam há muito a respeitar as suas dádivas. Desde centeio, trigo e milho fazem-se vários tipos de pão, cultiva-se ainda a vinha para os famosos vinhos do Dão.
Os vinhos tintos são cintilantes, de cor rubi, encorpados, de aroma a sabor delicados.
Envelhecem com extraordinária nobreza ganhando um bouquet esplendoroso, que os torna suaves e aveludados. Os vinhos brancos são leves e frescos, de cor amarela-citrina, com aroma suave e sabor frutado.
Para comer todas estas especialidades basta fazer uma visita a um dos muitos restaurantes da vila de Silgueiros.